Como saber se é a hora de mudar e sair do seu emprego?

Como saber se é a hora de mudar e sair do seu emprego?

Tá cada vez mais comum as pessoas ficarem insatisfeitas com o emprego e com mais vontade de ter um negócio, de empreender e fazer coisas que fazem mais sentido.

E isso é ótimo. Porque não faz o menor sentido você trabalhar no sonho dos outros e deixar o seu pra lá ne?!

Mas tem um outro lado, que é o medo de mudar. O medo de “perder” tudo que você já tem por uma coisa nova.

E o medo de essa vontade de mudar ser apenas uma vontadezinha, uma moda. Afinal, empreender tá na moda! 🙂

E aí…

Começo a procurar uma coisa melhor que esse emprego?

Ou continuo aqui no emprego? Isso pode ser só uma vontadezinha…

Existe um jeito pra você descobrir se é a hora de mudar. E é com uma simples pergunta…

Você se sente um peso morto?

Quando eu trabalhei em academia, no começo eu adorava. Mas com o tempo, fui sentido que aquilo não era pra mim.

Só que eu não via uma outra alternativa. Todo mundo falava que eu era maluco, que eu tinha que aproveitar as chances que eu tinha, a faculdade que eu fazia, que isso é difícil hoje em dia e tal…

Mas quando eu comecei a perceber que eu era mesmo um peso morto, que eu não fazia a MENOR diferença ali, eu vi que eu tinha MESMO que sair, que eu tinha que arrumar uma coisa melhor pra mim, uma coisa que me animava, que eu fizesse alguma diferença, nem que fosse pra mim.

E no emprego, eu não me sentia satisfeito, tava sempre um vazio em mim. Eu sentia que eu não fazia a menor diferença, a menor falta ali.

Eu achava que se eu não tivesse lá, seria melhor pra todo mundo…

Inclusive, TODOS os dias, quando eu acordava 4:30 ou 5 horas da manhã pra ir trabalhar, eu me sentia mal, ficava sempre desanimado.

A ponto de sempre enrolar pra sair de casa, mesmo estando pronto, só pra chegar atrasado. E pior… Eu vira e mexe dava uma desculpa de que tava doente ou arrumava um “exame” pra fazer e faltar ao trabalho.

Você já se sentiu assim ou perto disso?

Se você já se sentiu assim, se você se sente assim, esse é o sentimento do peso morto. E você é um peso morto no seu emprego.

Essa é a hora de mudar. Isso não é uma vontadezinha… É você! Você quer uma coisa diferente, você quer uma coisa que faça mais sentido, você quer te rum negócio!

E assim que você decidir ir atrás disso, vai ter gente que vai te chamar de maluco, vai dizer que você tem que esperar e que tudo vai melhorar.

Mas a verdade é que não vai melhorar. Só vai piorar…

Eu fiquei 3 anos sentindo isso. Demorei 3 anos pra conseguir sair. Lutei contra um monte de coisa.

Contra medo, incerteza, insegurança, opinião dos outros e até contra a cegueira de não saber pra onde ir.

Mas existe solução pra tudo isso. E eu posso te ajudar, te mostrando exatamente como eu fiz.

Essa é a hora de mudar!!! É sério…

E não vou te falar pra sair pedindo demissão não… Exatamente como eu falo no Programa Vá Mais Longe, você tem que fazer isso com segurança, com tranquilidade pra não desequilibrar sua saúde financeira e sua vida.

O que você tem que fazer é começar a estruturar sua mudança enquanto você tá no emprego. Você pode não perceber, mas tem muitas horas no seu dia, que você poderia usar pra alguma coisa melhor do que ficar no WhatsApp ou vendo Netflix.

Você pode usar isso pra trabalhar no seu sonho. Em silêncio. Mantendo seu salário.

No Programa Vá Mais Longe, eu ensino exatamente a fazer essa transição segura, sem jogar tudo pro alto e sem colocar sua vida em risco.

E SEM PEGAR EMPRÉSTIMO!

Eu vou deixar um link aqui embaixo e aqui no vídeo, pra você ver mais sobre isso… To fazendo MUITA coisa pra te ajudar nisso. Tem muito conteúdo pra te mostrar e pra te ajudar a mudar a sua vida.

E agora, que você já sabe que é um peso morto e que é a hora de mudar, você deu o primeiro passo.

E não fica se sentindo mal em ser um peso morto. Você aprendeu que o que você quer não é ficar aí, com a vida como ela tá pra você hoje.

A maioria das pessoas ficam a vida inteira pra perceber isso e nunca percebem. E acabam deixando um monte de coisa boa pra lá.

Agora, quero que você me fale aqui embaixo nos comentários se você se sente assim como eu me sentia, um inútil. E o que que você quer conquistar nessa sua mudança?

E se você gostou desse vídeo, clica aí em gostei, dá um joinha e assina aqui o canal do Youtube, beleza?

AAAH… E aqui o link que eu falei do Programa Vá Mais Longe!

Tudo isso é um presente meu pra você começar a trocar o emprego pelo empreendedorismo, beleza?

Vamo com tudo,
-Leo Alvarenga

Se você curtiu isso, compartilha aí! =)

  • Ola!!!

    Estou aqui de novo rsrsrs
    Estou passando por este processo e além disto, estou escrevendo um artigo a respeito de “Colocar o sonho de empreender em pratica sendo realista” (eu tenho que arrumar um titulo legal hehehe!) como eu disse no outro comentario.
    E mais uma vez estou tendo um artigo seu me ajudando demais, muito obrigado!!!
    E o que você diz no texto e no video faz muito sentido na questão de se sentir um peso morto, de querer ir embora o mais rapido possivel daquele lugar dentre outros desconfortos que sintimos em um trabalho que não gostamos.
    Mas, ai vem a questão do medo, as pessoas te dizendo para não fazer aquilo exatamente como você diz.
    Como eu disse no começo do comentario estou passando por isto, e estou no momento em que estou me organizando para sair do meu emprego atual e me empenhar totalmente a negocios digitais, falta pouco, apenas me organizando financeiramente para justamente não pegar emprestimos como você também diz sabiamente.
    Pretendo citar alguns artigos no meu artigo (isto e estranhos rsrsrs) e este com certeza será um deles.
    Mais uma vez obrigado, muitíssimo obrigado!

    • E o seu video “Essa é a melhor hora de empreender?” também 🙂

      • Oi, Wesley!

        As pessoas sempre vão falar… Seja por carinho com você ou por inveja. O segredo é se manter firme no seu objetivo e seguir em frente.

        Conversa com eles, explica seu ponto. Se entenderem, ótimo. Se não entenderem, paciência…

        Meu eBook também pode te ajudar: http://www.vamaislonge.com.br/ebook-pvml